Coronel amarense Tinoco Ferreira inspetor da IGAI

O amarense Tinoco Ferreira, coronel de infantaria e antigo comandante da GNR de Braga, assumiu as funções de inspetor da Inspeção Geral da Administração Interna (IGAI), que desempenha em Lisboa, três anos depois de ter liderado os chamados ‘Anos de Ouro’ da GNR de Braga.

Pedro Manuel Tinoco Ferreira, de 57 anos de idade, natural e morador em Amares, licenciado em História e em Direito pela Universidade do Minho frequentou, como oficial miliciano, a Academia Militar, em Lisboa, após o que ingressaria na Guarda Nacional Republicana. “Sempre souber motivar os militares, o que foi decisivo para o seu êxito no Comando Territorial da GNR de Braga”, diz quem trabalhou de perto com ele.

Na GNR de Braga, Tinoco Ferreira comandou, inicialmente, o Destacamento de Trânsito e foi subindo os diversos escalões da hierarquia, inclusivamente passando pela Escola da Guarda Nacional Republicana, em Queluz, onde deu aulas de formação a futuros oficiais.

A saída do Comando da GNR de Braga, ocorrida há três anos, deveu-se ao facto de Tinoco Ferreira ter cumprido quatro anos no comando de uma unidade militar, período que não poderia ultrapassar, de acordo com os estatutos da Guarda Nacional Republicana.

A mesma fonte chama de “‘Anos de Ouro’” ao tempo que Tinoco Ferreira esteve no comando da GNR, período no qual “se realizaram as maiores operações de sempre no combate à criminalidade”.

Um trabalho que seria seguido pelo seu sucessor, coronel Paulo Soares, oficial superior oriundo dos Comandos, até embarcar numa comissão de serviço na República Centro Africana.

Partilhar esta notícia

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *