Videoconferência juntou 49 leitores de Vila Verde, Universidade do Minho, Paredes de Coura, Boticas e Montalegre

A Comunidade de Leitores Rede de Casas do Conhecimento voltou a reunir-se após um interregno de dois meses.

Estando já as diferentes comunidades locais de leitores habituadas a reunirem-se à distância por vídeo conferência, os tempos que correm impuseram um novo modelo de reunião que aumentou a distância entre todos os elementos da comunidade.

Promovida pela Casa do Conhecimento de Paredes de Coura, esta sessão juntou uma comunidade de 49 leitores para conversar sobre “A Casa Grande de Romarigães”, de Aquilino Ribeiro.

Foi dinamizada por Fátima Cabodeira, Técnica superior da Câmara Municipal de Paredes de Coura, responsável pelo Arquivo Municipal de Paredes de Coura e pela coordenação técnica do Arquivo Literário do escritor Mário Cláudio e que contou com a participação especial de Aquilino Machado, neto do autor e TERRITUR-CEG, UL.

“As manifestações dos leitores foram todas no sentido de este ser um romance intemporal e um dos melhores romances portugueses do século XX. Todos anuíram sobre a extraordinária riqueza lexicológica, a recorrente utilização de regionalismos e da magistral descrição, presentes nesta obra”, refere uma nota sobre a iniciativa.

“Foi mais uma sessão de valor acrescentado, para esta vasta comunidade de leitores” das Casas do Conhecimento de Vila Verde, Universidade do Minho, Paredes de Coura, Boticas e Montalegre.

Partilhar esta notícia

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *