Moção encabeçada por Joaquim Barreto aprovada por cerca de 65% dos votos no congresso federativo do PS

O XIX Congresso Federativo de Braga do Partido Socialista, decorreu no passado sábado, em Celorico de Basto, no qual saiu reforçada a lista encabeçada por Joaquim Barreto.

Depois de ter sido eleito Presidente de Federação no passado dia 18 de Julho, Joaquim Barreto viu agora aprovada, por larga maioria dos congressistas presentes, no XIX Congresso Federativo de Braga do Partido Socialista, a Moção Global de Estratégia “Primeiro o Distrito, Primeiro o Partido” da qual era primeiro subscritor.

Recorde-se que no passado dia 18 de julho, após um interregno provocado por força da pandemia do Covid-19, e que obrigou a que a Direção Nacional do Partido Socialista adiasse todos os seus atos eleitorais, a Federação de Braga do Partido Socialista foi a votos, tendo os socialistas do Distrito de Braga eleito por larga maioria Joaquim Barreto e Palmira Maciel, atuais Deputados na Assembleia da República, para Presidentes da Federação de Braga do Partido Socialista e do Departamento Federativo de Braga das Mulheres Socialistas – Igualdade e Direitos, respetivamente, derrotando assim as listas opositoras que eram encabeçadas por Ricardo Costa, atual vereador da Câmara Municipal de Guimarães, e Anabela Real, atual vereadora na Câmara Municipal de Barcelos.

No passado sábado, em Celorico de Basto, decorreu a reunião magna dos Socialistas do Distrito de Braga, agora para votar as Moções apresentadas pelos diferentes candidatos e eleger os órgãos federativos para o biénio de 2020-2022.

Este foi um congresso atípico face à situação atual que se vive, tendo o mesmo sido realizado num formato misto, levando a que num total de 500 congressistas, apenas cerca de 150 marcaram presença fisicamente.

Todos os restantes participaram à distância, através de uma plataforma eletrónica, e puderam ainda exercer o seu direito de voto também à distância, através de uma plataforma específica, criada pelo Partido Socialista a nível nacional, e que permitiu que mesmo os delegados que participaram remotamente pudessem exercer o seu direito de voto. Das várias votações que decorreram, resultaram a eleição da Comissão Política Distrital de Braga, tendo saído vencedora a Lista A, afeta a Joaquim Barreto, com 65 % dos votos, elegendo 47 comissários políticos e ainda Luís Soares, Presidente da Concelhia de Guimarães, como Presidente da Mesa Distrital, contra 34% da Lista B, afeta a Ricardo Costa, que elegeu 24, a Comissão Federativa de Jurisdição, com 64,85% dos votos também para a Lista A, elegendo 5 elementos e Alexandre Maciel, de Barcelos, como Presidente, contra 34,24% (2 elementos) da Lista B e a Comissão de Fiscalização Económica e Financeira, tendo a Lista A arrecadado também 64,85 % dos votos, elegendo 3 elementos e Hugo Sampaio, de Vila Nova de Famalicão, como Presidente, contra 33,75 % (2 elementos) da Lista B.

Este congresso contou ainda com a participação de Mariana Vieira da Silva, atual Ministra de Estado e da Presidência, na sessão de encerramento.

Também António Costa, atual Secretário Geral do PS, discursou para todos os congressos federativos do país em simultâneo, num formato inovador a ser transmitido por streaming para todos os Distritos, saudando todos os órgãos agora eleitos.

Joaquim Barreto, na sua intervenção final, agradeceu a todos o voto de confiança, aproveitando para “saudar e felicitar todos os eleitos para os Órgãos Dirigentes Distritais no Congresso, nas pessoas dos Camaradas que agora foram de novo legitimados e reconduzidos com largas maiorias como Presidentes das Comissões, Luís Soares, Alexandre Maciel e Hugo Sampaio. À camarada Palmira Maciel, reeleita Presidente do Departamento das Mulheres Socialistas – ID, que apresentou igualmente a sua Moção ‘Unir Vontades, conquistar mentalidades’ e que esteve sempre alinhada com o nosso projeto, agradeço o seu empenho e determinação.”

Por fim, o líder Distrital agora recém-eleito para um novo mandato deixou, ainda, uma palavra de amizade e agradecimento à eurodeputada, Professora Isabel Estrada Carvalhais, por toda a coordenação e elaboração da Moção Global de Estratégia Política que foi submetida a sufrágio.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *