Treinador Rui Almeida é um dos 15 infetados no Gil Vicente

O treinador Rui Almeida é um dos 15 elementos do Gil Vicente infetados com o novo coronavírus, confirmou fonte oficial do clube da I Liga portuguesa de futebol.

O técnico, de 50 anos, contratado neste verão para substituir Vítor Oliveira, foi um dos quatro elementos que acusou positivo nos testes à covid-19 realizados na passada quinta-feira – três casos na equipa técnica e um entre jogadores -, encontrando-se em quarentena desde sexta-feira, assintomático.

Depois de confirmados mais 11 casos de infeção no domingo, o delegado de saúde local decretou quarentena obrigatória para o plantel gilista, que regressou hoje ao trabalho, após os resultados dos testes realizados na terça-feira terem sido todos negativos.

Ausente do treino de ontem, Rui Almeida não vai estar no banco de suplentes frente ao Sporting, em encontro da primeira jornada do campeonato, agendado para as 18h30 de sábado, cuja realização ainda está a ser analisada pela Direção-Geral da Saúde (DGS), face aos casos de covid-19 também detetados na equipa lisboeta – sete em jogadores e um na restante estrutura, segundo a mais recente informação oficial.

A presença do ‘timoneiro’ no banco durante o primeiro jogo da temporada em Barcelos, frente ao Portimonense, relativo à segunda jornada e marcado para as 16h00 de 27 de setembro, um domingo, está ainda em dúvida, adiantou a mesma fonte do emblema barcelense.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *