Detidos dois suspeitos do homicídio do ‘Conde’ de Guimarães

Dois homens, de 40 e 70 anos, foram detidos, esta terça-feira, pela Polícia Judiciária (PJ), através da Diretoria do Norte, pela presumível prática dos crimes de homicídio e furto qualificado, ocorridos no início do ano de 2020, em Guimarães.

Apesar de a autoridade não avançar a identidade dos detidos, o JN revela que serão os suspeitos de terem assassinado Fernando Ferreira, conhecido como ‘Conde’ de Guimarães.

Os factos em investigação reportam-se ao dia 8 de janeiro de 2020, indica a PJ em comunicado, “quando a vítima foi atraída às imediações da praia fluvial de Briteiros, nas Caldas das Taipas, onde foi agredida e atirada ao Rio Ave”.

O corpo veio a ser detetado “no dia 22 de janeiro, passados 14 dias, no canal fluvial do Parque da Ínsua, em S. Cláudio de Barco – Guimarães”.

Subjacente à prática deste crime, é acrescentado na nota, “estão suspeitas do envolvimento da vítima num crime de alegado furto em residência, ocorrido em meados de dezembro de 2019”, em que um dos presumíveis autores teria sido ofendido.

Os agora detidos, um cortador de carnes e o outro reformado, vão ser presentes a Tribunal para conhecerem as medidas de coação. O mais velho já tinha antecedentes pelos crimes de “ofensas à integridade física e fraude fiscal”.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *