DestaqueMinho

Criminalidade geral aumentou em Braga, Barcelos, Famalicão e Guimarães

A Polícia de Segurança Pública (PSP) assinala amanhã, dia 30 de maio, o 146.º aniversário do Comando Distrital de Braga. A cerimónia que assinala esta efeméride terá lugar no Paço dos Duques, na cidade de Guimarães, pelas 14H30 e será presidida pelo Diretor Nacional da PSP, Superintendente-Chefe Magina da Silva.

A PSP de Braga tem a seu cargo uma área territorial de cerca de 89,4 km2 que compreende as cidades de Braga, Guimarães, Vila Nova de Famalicão e Barcelos, onde residem cerca de 234 677 habitantes (Censos 2021), além dos muitos milhares de pessoas que diariamente se deslocam para visitar, trabalhar ou estudar nestas cidades.

Em 2022 e face a 2019 (último ano pré-pandemia), na área de responsabilidade da PSP de Braga, a criminalidade geral aumentou 1,8% (+97), como consequência do crescente das detenções, caso contrário registaríamos uma diminuição de 3,2% (-140).

No que concerne às detenções, estas aumentaram 41% (+237).
No que diz respeito à criminalidade violenta ou grave, registámos um decréscimo de cerca de 33% (-97).

Os crimes praticados contra pessoas diminuíram 8%, sendo de destacar a redução em 13% do crime de violência doméstica.

Os crimes de roubo e furto também diminuíram 44% e 3%, respetivamente.
Por outro lado, o registo de crimes de ameaça e coação aumentou cerca de 7%.

Verificou-se um aumento de 3% do registo de crimes contra o património, muito impulsionado pelo grande aumento das burlas (102%), a grande maioria cometida através de meios digitais.

Apesar da redobrada atenção que tem sido dedicada à prevenção e fiscalização rodoviárias, a sinistralidade rodoviária apresenta uma tendência de aumento. Em 2022 foram levadas a cabo 890 operações de fiscalização rodoviária, tendo sido controladas por radar cerca de 209 037 viaturas e submetidos ao teste de alcoolemia 12 717 condutores.

No mesmo período foram registados 3 240 acidentes de viação (-391), de onde resultaram 841 feridos ligeiros (-24), 24 feridos graves (-9) e uma vítima mortal (-4).

A PSP de Braga realizou cerca de 1 417 ações de sensibilização que envolveram mais de 34 000 participantes, com especial destaque das 819 ações efetuadas no âmbito do programa Escola Segura, e das 327 ações de sensibilização realizadas no âmbito do programa Idosos em segurança. Estas ações, efetuadas em estreita colaboração com os estabelecimentos de ensino e as autarquias visaram de entre outros, temas como segurança rodoviária, consumo de substâncias aditivas, violência no namoro, utilização segura da internet, autoproteção e burlas.

No âmbito do licenciamento e fiscalização de explosivos, armas e munições foram realizadas 66 ações de fiscalização a armeiros, a particulares detentores de armas de fogo e a estabelecimentos comerciais.
Nesse âmbito, foram apreendidas e entregues para destruição cerca de 1300 armas de fogo.

No que concerne a policiamentos a grandes eventos culturais, com a participação de mais de 70.000, destacamos: S. João; Festas Académicas (Braga, Guimarães e Barcelos); Noite Branca; Rampa da Falperra; Semana Santa; Braga Romana; Gualterianas; Nicolinas; Rampa da Penha; Carnaval (Famalicão); Festas Antoninas e Festas da Cruzes.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *