DESPORTO

Vítor Campelos assegura Gil Vicente motivado para vencer FC Porto

O treinador Vítor Campelos garantiu hoje um Gil Vicente com ambição e motivação para ficar com os três pontos na receção ao FC Porto, no domingo, na 23.ª jornada da I Liga de futebol.

Com a vitória na última jornada, no terreno do Estoril Praia (3-1), os gilistas puseram termo a três derrotas seguidas, uma delas que lhes valeu a eliminação da Taça de Portugal (3-1 com o Vitória de Guimarães).

Já o FC Porto surge em Barcelos motivado pelo triunfo na Liga dos Campeões, na quarta-feira, diante do Arsenal (1-0) e, também por causa desse resultado, Vítor Campelos espera um “jogo difícil”.

“Ainda agora venceu o Arsenal e isso demonstra todo o poderio do FC Porto, mas nós também temos as nossas armas, somos das equipas com mais pontos em casa e, respeitando muito o adversário, queremos fazer um bom jogo, porque sabemos que jogando bem estamos mais perto de ganhar”, disse o técnico na conferência de imprensa de antevisão.

PUBLICIDADE

Para Vítor Campelos, tal como para o FC Porto o fator motivacional cresce ao jogar na ‘Champions’, também para o Gil Vicente isso acontece diante da turma orientada por Sérgio Conceição.

“Nestes jogos, o treinador não precisa de estar a motivar tanto os jogadores, os níveis de concentração e motivação são grandes, o FC Porto é sempre o FC Porto, um dos grandes do nosso campeonato. Em casa, temos dado uma boa resposta e queremos apresentar-nos fortes, com confiança para se possível ficar com os três pontos”, disse.

Questionado sobre se o Gil Vicente pode explorar a necessidade imperiosa do FC Porto não perder pontos na luta pelo título em vésperas de receber o Benfica, jogo que poderá ser decisivo nessas contas, o treinador reforçou que o Gil Vicente deve olhar para si próprio, mas lembrou que há dois jogadores dos portistas que estão em risco de não jogar com os ‘encarnados’ se virem um cartão amarelo.

“O FC Porto é que terá que se preocupar com o jogo de amanhã [domingo] e com o posterior até porque tem dois jogadores com quatro cartões amarelos, o Francisco Conceição, que tem feito uma época fantástica, é dos jogadores que tem criado mais desequilíbrios, e o Otávio, mas devem jogar”, disse.

Além de Francisco Conceição, o treinador dos gilistas destacou também o extremos Galeno, mas frisou que mais importante que olhar para o adversário é focar-se na própria equipa e melhorar alguns aspetos.

“Ainda não sabemos o ‘onze’ que o Sérgio [Conceição, treinador do FC Porto] vai apresentar, vai depender muito disso. Sabemos que o Francisco Conceição e o Galeno são muito fortes no um para um, é uma equipa forte nas bolas paradas e que gosta de ter bola e quando não a tem sente algum desconforto, como aconteceu no jogo no Dragão [na primeira volta, derrota por 2-1], fizemos um bom jogo aí, houve equilíbrio”, disse.

Zé Carlos, Kiko Pereira e Depú estão lesionados e são baixas certas para o jogo de domingo.

Gil Vicente, 10.º classificado, com 28 pontos, e FC Porto, terceiro, com 45, defrontam-se a partir das 18h00 de domingo, no Estácio Cidade de Barcelos, jogo que será arbitrado por Fábio Veríssimo, da associação de futebol de Leiria.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *