DESPORTO

Rubén de la Barrera quer que Vizela se despeça da I Liga com “alma”

O Vizela realiza o último jogo na I Liga de futebol no Estádio do Bessa, frente ao Boavista, e o treinador da equipa minhota, apesar de já ter a despromoção garantida, disse hoje querer terminar a prova “com alma”.

Rubén de la Barrera recordou que o Boavista, que ainda luta por escapar ao play-off de manutenção, “não está no melhor momento” e lembrou o jogo da primeira volta em que acredita que os minhotos, apesar de terem sido goleados (4-1), foram superiores.

“Tentaremos jogar com alma, frente a uma boa equipa que tem um objetivo claro, certamente com a presença de muitos adeptos. Em função das circunstâncias, é um bom cenário para acabarmos bem a liga. O Boavista é uma boa equipa, que também não está no melhor momento. Lembro-me do jogo aqui na primeira volta, em que fomos claramente melhores, deveríamos ter ganhado por uma grande diferença, mas, em vez disso, ganharam eles”, frisou em conferência de imprensa, de antevisão à partida da 34.ª e última jornada, no sábado.

O técnico referiu ainda que vai fazer alterações em relação ao último encontro, com o Estrela da Amadora, em que os vizelenses se impuseram com uma goleada, por 4-0, em virtude da ausência de “vários jogadores”. Anderson está castigado, enquanto Petrov continua lesionado.

“Terá de haver alterações devido à ausência de alguns jogadores. É certo que veremos caras novas em relação ao último jogo contra o Estrela”, reforçou.

Apesar de ter mais um ano de contrato, o treinador espanhol, que chegou a Vizela em dezembro, para render o compatriota Pablo Villar, admitiu que vai reunir com a SAD e discutir o futuro, depois de não conseguido manter o clube na I Liga.

“Amanhã [sábado] é o último jogo, tenho contrato e depois iremos conversar, fazer a avaliação de toda esta temporada desde que cá cheguei. Veremos o que vai acontecer. O peso do próprio desporto pesa mais do que os dados objetivos. É uma pena, mas é a realidade”, disse.

O Vizela, em 17.º lugar, com 25 pontos, desloca-se no sábado, às 15h30, ao Estádio do Bessa, para defrontar o Boavista, 14.º classificado, com 31, em jogo que será arbitrado por Tiago Martins, da Associação de Futebol de Lisboa.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *