FC Amares perde para a Taça de Portugal mas faz um bom jogo

O minuto 91 foi fatídico para o FC Amares que perdeu, em casa, por 1-0 frente ao SC Vianense na primeira eliminatória da Taça de Portugal. Duas equipas que jogam em campeonatos diferentes que isso não transpareceu durante o jogo muito por mérito do FC Amares.

Os primeiros vinte minutos foram de domínio dos vianenses, com bastantes lances ofensivos, mas nenhum com muito perigo para a baliza do estreante Marcos, a única novidade do onze em relação à época passada.

A primeira grande oportunidade pertenceu ao FC Amares, numa jogada comandada por Nfaly, mas com Tiago Alves em frente ao guarda-redes a rematar fraco à figura. A jogada despertou a equipa amarense que equilibrou o jogo e teve mais duas boas oportunidades para marcar. Também é verdade que a equipa visitante nunca perdeu o foco na baliza amarense e tanto Vitor Sousa como Marcelo Faria poderiam ter inaugurado o marcador.

Na segunda parte, o jogo foi muito mais equilibrado e disputado a meio campo, com oportunidades para as duas balizas, a mais flagrante aconteceu quando o recém entrado Joshua rematou ao poste da baliza do guarda-redes vianense, Beto.

Já no cair do pano, num jogo com uma arbitragem impecável de Joel Santos, numa jogada pelo lado esquerdo, um cruzamento rasteiro para área ressalta num jogador do FC Amares e fica à mercê de Leandro Vilas Boas (também entrado na segunda parte) que não perdoa e faz o resultado final.

A equipa da casa deu uma muito boa imagem perante um adversário de um campeonato superior e só volta a competir daqui a um mês na primeira jornada do Pró-Nacional.

 

Reportagem completa na próxima edição do jornal ‘Terras do Homem’

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *