Artista “ressuscita” 54 Imperadores Romanos com ajuda da Inteligência Artificial

Artista canadiano usou um ramo da Inteligência Artificial para criar retratos ultra-realistas de antigos Imperadores Romanos como, por exemplo, Calígula, Nero e Adriano.

A aparência física destes antigos Imperadores Romanos foi preservada em centenas de esculturas ao longo do tempo, mas mesmo as mais detalhadas não conseguem transmitir como eram realmente estes homens.

Por isso, conta o site Live Science, o canadiano Daniel Voshart, diretor de fotografia e designer de realidade virtual, usou “machine learning”, ramo da Inteligência Artificial que usa algoritmos que aprendem através da experiência.

Através de uma rede neural, chamada Artbreeder, os algoritmos analisaram cerca de 800 bustos para modelar formas faciais, características, cabelo e pele mais realistas, assim como para adicionar cores vívidas.

De seguida, Voshart ajustou os modelos da Artbreeder com recurso ao Photoshop, adicionando detalhes recolhidos de moedas, obras de arte e descrições dos Imperadores escritas em textos históricos.

Em declarações ao mesmo site, Voshart explicou que encontrar todas as obras de arte e os textos de referência sobre os Imperadores demorou aproximadamente dois meses, e montar cada retrato demorou, em média, cerca de 15 a 16 horas.

O artista diz que começou este projeto para se distrair durante o confinamento provocado pela pandemia de covid-19 e que, inicialmente, não sabia quase nada sobre estes antigos Imperadores.

Porém, o que começou como uma forma de passar o tempo dentro de quatro paredes acabou com um trabalho alargado que inclui 54 Imperadores e que abrange um período do Império Romano chamado de Principado, desde 27 A.C. até 285 D.C.

É possível ver todas as reconstruções no site oficial de Voshart.

ZAP //

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *