Campo de golfe vai nascer em Amares num investimento de 61 milhões de euros

Três empresas de amares juntaram-se para avançarem com a criação de um campo de golfe em Amares que irá ocupar 80 hectares de terreno entre as freguesias de Barreiros, Carrazedo (onde está metade da área de implantação) e Prozelo.

Os empresários do Salar das Bouças, Quinta do Ribeiro e Eusébios estão por detrás da iniciativa que, segundo apurou o ‘Terras do Homem’, já é do conhecimento do presidente da câmara de Amares. O investimento prevê, ainda, a construção de um empreendimento de suporte ao campo de golfe que terá como particularidade uma academia de aprendizagem da modalidade.

Ainda segundo o documento que serve de suporte ao projeto e ao qual o ‘Terras do Homem’ teve acesso, todo o projeto do empreendimento turístico, onde está inserido o campo de golfe, prevê criar 121 postos de trabalho diretos e 129 indiretos. O projeto tem um espaço temporal de cinco anos para ser concretizado.

A área ocupada vai desde uma parte inserida no solar das Bouças até às imediações do Estádio Municipal José Carlos Macedo e prevê um impacto direto em termos de receitas de 29 milhões, sete milhões para a câmara municipal.

Contactado pelo ´Terras do Homem’, Manuel Moreira confirma a existência do projeto e revela que “numa das próximas reuniões de câmara iremos apresentar o protocolo a celebrar entre a autarquia e os promotores para ser discutido e aprovado”.

Para o autarca, a câmara fica com o papel “mais burocrático porque é preciso avançar com a desafetação de terrenos, um processo que não é fácil já que envolve várias autoridades e diversos pareceres”. Manuel Moreira reconhece que “este é um projeto excelente para o concelho porque levará Amares para outro nível, nós estaremos na linha da frente e faremos tudo para que seja concretizado o mais depressa possível”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *