Mais três mortes e 663 contágios em Portugal e Rt nos 1,01

Portugal registou, nas últimas 24 horas, mais três mortes devido à Covid-19 e 663 novos casos de infeção, indica o boletim epidemiológico da Direção-Geral de Saúde divulgado esta quarta-feira. Trata-se de um aumento de 0,08% relativamente aos casos e de 0,02% em relação aos óbitos.

Assim, o país passa a acumular 825.031 casos de infeção pelo novo coronavírus e 16.890 mortes desde o início da pandemia.

O boletim desta quarta-feira revela que o número de internados voltou a descer. À data, estão hospitalizadas 488 pessoas (-16 do que ontem). Destes, 116 estão em unidades de cuidados intensivos (+3 face à véspera).

Nas últimas 24 horas, 757 recuperaram da doença. O número de casos ativos é agora de 25.847, menos 97.

Quanto à matriz de risco, o índice de transmissibilidade (Rt) voltou a subir, sendo agora de 1,01 a nível nacional e de 1,02 no Continente. Recorde-se que o limite definido pelo Governo para esta variável é 1.

A incidência a nível nacional está agora nos 64,3 casos de infeção por 100 mil habitantes. Excluindo a Madeira e os Açores, a incidência é menor: 62,5casos por 100 mil habitantes.

As três mortes reportadas hoje aconteceram em Lisboa e Vale do Tejo (LVT), região onde foram contabilizados 262 novas infeções. Segue-se o Norte com diagnóstico de 182 casos. No Centro foram confirmados mais 71 contágios, no Alentejo 32 e no Algarve 46.

Nas regiões autónomas, os Açores reportam 42 casos e a Madeira 28.

Portugal iniciou esta segunda-feira, dia 5, a segunda fase do plano de desconfinamento. Voltou a ser possível frequentar esplanadas e ginásios (ainda que com limitações) e os alunos do 5.º ao 9.º ano voltaram às escolas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *