“Exército” de cabras ajuda a prevenir incêndios florestais na Califórnia

A Califórnia soltou um “exército” de cabras para mastigar arbustos e ervas demasiado grandes em todo o estado na esperança de reduzir o risco de incêndios florestais neste verão.

Este tipo de vegetação inflamável contribui para a proliferação das chamas durante os incêndios.

No lago Oroville, no norte da Califórnia, um grupo de entre 350 a 400 cabras limpou cerca de 20 mil metros quadrados de terreno. Este domingo, espera-se que as cabras comam a vegetação de cerca de seis quilómetros quadrados.

Os animais também vão ser usados noutras cidades do estado preocupadas com os incêndios florestais, incluindo Anaheim, Oakland e Los Angeles, escreve a Vice.

A iniciativa teve origem em 2012 e tem como objetivo reduzir o crescimento excessivo de vegetação em todo o estado.

Ainda no ano passado, o estado norte-americano foi assolado por uma onda de incêndios florestais que destruiu mais de 4% dos cerca de 40 milhões de hectares de terra do estado, tornando 2020 a maior temporada de incêndios florestais registada na história moderna da Califórnia.

“Elas comem de tudo”, disse Kryssy Mache, cientista ambiental do Departamento de Recursos Hídricos da Califórnia, à Vice. “É apenas mais um conceito porreiro que estamos a usar. Não são apenas os humanos a sair e a fazer a diferença — também podemos usar cabras”.

Mas as cabras não fazem o trabalho todo. No outono, equipas humanas vão entrar em ação e vão limpar a área onde as cabras estiveram para garantir que permanece o menos vulnerável possível às chamas.

“Se as encostas forem muito íngremes, usaremos cabras”, disse Mache. “Caso contrário, talvez usemos equipamento pesado”.

Daniel Costa, ZAP //

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *