Em Esqueiros, Nevogilde e Travassós não haverá eleições para a Junta de Freguesia

Devido a um erro processual, a candidatura independente e única ‘Unidos por Esqueiros, Nevogilde e Travassós’ não poderá concorrer às próximas eleições autárquicas.

Segundo explica o candidato e atual presidente da junta, Vitor Mota, “falhas de comunicação, impediu-nos de corrigir, dentro dos prazos legais, pequenas anormalidades apontadas aos documentos apresentados em tribunal para formalização da nossa candidatura”.

Ainda segundo o autarca e apesar deste contratempo “eu e os elementos que me acompanham nesta lista independente mantemo-nos determinados e empenhados em assumir a candidatura para um novo mandato na gestão dos destinos desta União de Freguesias”.

Tendo em conta que a lista foi a única a formalizar candidatura a esta União de Freguesias, no dia 26 de setembro o ato eleitoral em Esqueiros, Nevogilde e Travassós destinar-se-á apenas à eleição para a Câmara e a Assembleia Municipal.

Entretanto, a Junta desta União de Freguesias continuará a ser gerida pelo atual executivo e a assumir as suas responsabilidades perante a população local até à marcação de novo ato eleitoral.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *