‘Fazeres de Amor’ é a exposição inaugural do MICA na Loja Oficina em Guimarães

O próximo dia 8 de dezembro é marcado pela abertura da nova exposição ‘Fazeres de Amor’ na Loja Oficina, situada em pleno centro histórico de Guimarães, dando início ao novo programa de Mudança e Intervenção Criativa em Artesanato (MICA).

Fruto do trabalho de Cristina Vilarinho e Alberto Azevedo, caras e criadores do Projeto A2, esta exposição dedica-se à Cantarinha dos Namorados e é o reflexo da vontade de ambos de preservarem as artes e ofícios tradicionais vimaranenses, incorporando técnicas e modos de fazer ancestrais dentro de um pensamento interdisciplinar, reinventando e redesenhando objetos que contribuam para a perpetuação do valioso património cultural de Guimarães.

A abertura da exposição acontece às 17h00 na Loja Oficina – situada na Rua da Rainha D.ª Maria II – com entrada gratuita, até ao limite da lotação do espaço.

Com o ativar do programa MICA, a Loja Oficina passa também a ser um espaço que convida artesãos, artistas e designers a desenvolverem um programa de mudança e intervenção criativa no artesanato local, sob a forma de ateliê expositivo, um ponto de encontro de criativos em torno do saber-fazer e das técnicas de execução das artes tradicionais vimaranenses, dando lugar à inovação e pensamento do artesanato na atualidade.

A exposição a inaugurar brevemente neste espaço tem por detrás os nomes de Cristina Vilarinho e Alberto Azevedo, que aqui se focam na Cantarinha dos Namorados de Guimarães, objeto que encerra em si histórias de amor que pretendem perpetuar no tempo.

Através desta exposição, a dupla de criadores deseja trazer a riqueza intrínseca, simbólica e material desta peça para o exterior. Valorizá-la ao criar ligações entre velhos saberes e novos fazeres, celebrar o património cultural, o saber-fazer, a vida. Construíram-na em porcelana, um material nobre que privilegiam no seu trabalho, pela sua delicadeza, candura e contemporaneidade; apuraram a sua forma curvilínea e feminina numa estética mais depurada e cuidada; revestiram-na a flores estilizadas, rosetas relevadas do Bordado de Guimarães que incorporam frescura, juventude, alegria e energia; pontilharam-na a ouro [Au], esse elemento tão manifestamente presente na cultura do Minho e que traduz o tesouro cultural que este objeto é, refletindo assim aquele que consideram o tesouro mais precioso que existe: o encontrar o amor.

Os criadores responsáveis por esta nova exposição estão intimamente associados ao Projeto A2, um ateliê de fazedores inquietos, partilhado por artistas, artífices, designers. Uma mistura de todos. E é sobretudo através da cerâmica e do desenho que expressam o seu pensamento e o modo como se relacionam com o mundo, partilhando assim as suas experiências com todos os que contactam com as suas obras.

Tudo aquilo que desenvolvem tem forte relação com o tradicional como base de trabalho, mas não para fazer igual. Entre outros projetos, os dois ceramistas do Projeto A2 estiveram ligados ao ‘Conta-me’, um projeto igualmente da responsabilidade d’A Oficina, em que também colaborou a Pé de Mosca, com o objetivo de preservar (de forma inovadora) a memória da Cantarinha dos Namorados. Esta nova exposição da sua autoria, ‘Fazeres de Amor’, ficará patente na Loja Oficina até 26 de março de 2022 e poderá ser visitada por público de todas as idades.

Não só pelos artigos que promove, preserva e comercializa no âmbito do artesanato tradicional da região – como são exemplo a Cantarinha dos Namorados e o Bordado de Guimarães – e pela íntima relação com uma figura emblemática relacionada com a cidade berço – Alberto Sampaio – mas também pelas suas exposições, a Loja Oficina continua assim a cativar quem visita a Guimarães. Assim como aos habitantes locais para uma revisita com novidades regulares.

De lembrar também a sua presença no espaço digital (loja.aoficina.pt), tendo assim as portas abertas ao mundo para receber o público de todas as origens e dar a conhecer os produtos de artesanato vimaranenses e publicações, que nos ligam ao passado e ao presente da história que se faz em Guimarães.

Presencialmente, a Loja Oficina pode ser regularmente visitada de segunda a sábado, entre as 11h00 e as 18h00, encerrando aos domingos e feriados.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *