EPATV recebe selo “Escola sem bullying”

A Escola profissional Amar Terra Verde (EPATV) é uma das oito escolas de todo o Minho que foram galardoadas com o Selo “Escola sem Bullying” – revelou o Ministério da Educação, no âmbito do Grupo de Trabalho “Escola Sem Violência”.

Este Selo, argumenta a responsável por este grupo de trabalho, deve-se ao trabalho que a EPATV promoveu e implementou, no ano letivo 2019/2020, através de um Plano de Prevenção e Combate ao Bullying e ao Ciberbullying.

De acordo com Isabel Marques Lopes, a EPATV “assumiu práticas quotidianas de promoção da saúde e do bem-estar da comunidade educativa, pautadas pelos princípios da não violência, da inclusão e da não discriminação”.

O bullying é conjunto de comportamentos de carácter agressivo, adotados entre pares, de modo intencional e repetido, podendo afetar e causar dano – a nível físico, verbal, social/relacional, psicológico e/ou sexual – às crianças e jovens, envolvidos numa relação de desequilíbrio de poder entre o agressor e a vítima.

As vítimas de bullying podem “sentir maior tristeza, diminuição de autoestima, desmotivação e baixa de rendimento escolar, perturbações alimentares e de sono, e maior propensão para comportamentos depressivos”.

Por sua vez, com as novas tecnologias, surgiu outra forma, o ciberbullying, que consiste em humilhar, excluir ou até agredir alguém, de forma repetitiva e sistemática, através de ações virtuais.

Sabemos que são várias as formas de comunicação, com recurso à Internet, que possibilitam este tipo de agressão, podendo recorrer a uma variedade de conteúdos com essa finalidade como, por exemplo, conteúdos de fotografia, de vídeo, de áudio ou de texto.

As consequências do ciberbullying nas vítimas são idênticas às do bullying. O Grupo de Trabalho de combate ao Bullying nas escolas felicita a EPATV por ter “dinamizado iniciativas que tornam a escola mais inclusiva, promotora de um ambiente seguro e saudável, que permite aos jovens desenvolver valores e competências que promovem o desenvolvimento pessoal e a plena intervenção social”, assegura Fátima Lopes Marques.

É intenção da Direção e do Corpo docente da EPATV “continuar este plano de prevenção e combate ao Bullying e Ciberbullying” –garante Sandra Monteiro, Diretora pedagógica da Escola profissional Amar terra Verde.

Este galardão permite à EPATV usar o “merecido selo digital “Escola Sem Bullying. Escola Sem Violência” em todos os seus documentos e website, segue em anexo. No Minho receberam este selo as Escolas de Celeirós, Fafe, Guimarães (duas), Celorico de Basto e Vila Verde (três).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *