Enfermeira reformada colhida gravemente por moto em Amares

Uma enfermeira reformada foi gravemente atropelada, ao final da tarde de hoje, por uma moto, na freguesia de Ferreiros, em Amares.

A vítima, Maria Angélica, solteira, de 82 anos, estava numa caminhada com uma vizinha, ao longo da Rua da Cintura, na Zona Industrial do Monte das Rabadas, quando a moto, que era conduzida por um jovem de 20 anos, a atingiu, provocando-lhe politraumatismos, segundo apurou no local o Terras do Homem.

Maria Angélica, muito conhecida em Amares, onde trabalhou e reside, encontra-se a ser assistida na Sala de Emergência do Hospital Central de Braga, com um prognóstico muito reservado.

O condutor da moto sofreu escoriações, mas sem gravidade, mas a idosa partiu as pernas e o braço direito, tendo sofrido ainda um traumatismo crânio-encefálico, daí o seu quadro clínico ser muito reservado.

As vítimas foram socorridas pela Delegação de Amares da Cruz Vermelha Portuguesa e pela equipa da Viatura Médica de Emergência e Reanimação (VMER) do INEM oriunda do Hospital de Guimarães.

Uma patrulha do Posto da GNR de Amares participou nas operações de socorro, durante cerca de uma hora, tendo regularizado o trânsito e registado a ocorrência.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *