Programa da Semana Santa em Braga sofre alterações

A Comissão organizadora da Semana Santa em Braga informa que alguns dos eventos culturais que integram o programa cultural deste ano vão sofrer alterações, em consequência das novas regras relacionadas com a situação pandémica.

Assim, o concerto previsto para o dia 30 de março, às 21h30, mantém-se, mas é agora certo que terá apenas transmissão online, sem público. A Orquestra do Norte foi ainda forçada a mudar o programa, e apresentará “Stabat Mater” (G. 532a), de Luigi Boccherini (1743-1805) e ainda a Sinfonia No. 49 em fá menor “La Passione” Hob. I:49, de Franz Joseph Haydn (1732-1809).

Online apenas será também o lançamento do livro “A Semana Santa em Braga”, da autoria de Rui Ferreira (texto) e Hugo Delgado (fotos), que ocorre no dia seguinte, 31 de março, pelas 16h.

Relativamente às exposições, a Comissão e os respetivos organizadores estão ainda a estudar a possibilidade da sua realização, sendo certo que, a serem possíveis, serão alvo de reagendamento, que será anunciado à medida que as decisões forem sendo tomadas.

Finalmente, o Lausperene Quaresmal, suspenso até agora, será alvo de reagendamento, sendo certo que é transferido para o Tempo Pascal, reiniciando na igreja de São Victor, no dia 12 de abril. Oportunamente, será dada informação mais completa.

Outras transmissões online
A visita guiada ao Bom Jesus (dia 27 de março, 10h00), e os programas sobre as Procissões, previstos para os dias e horas a que saem as procissões (a saber; 29 de março, 17h00, Procissão dos Passos; 31 de março, 21h30, Procissão da “burrinha”; 01 de abril, 21h30, Procissão do Ecce Homo; e 02 de abril, 21h30, Procissão do Enterro do Senhor), continuarão a ser também apenas com transmissão online, aliás como já previsto desde o início.

Celebrações e Lausperene
As habituais celebrações na Sé Catedral (no Domingo de Ramos, Quinta e Sexta-feira Santas, sábado de Aleluia e Domingo de Páscoa) decorrerão nos dias e horários anunciados, seguindo as orientações da Conferência Episcopal Portuguesa e da DGS.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *