Fotógrafa capta cigarras em cenários diferentes

Após um hiato de 17 anos, o aparecimento das cigarras conhecidas como Brood X, ao longo do leste dos Estados Unidos, inspirou a fotógrafa profissional do estado norte-americano da Virgínia, Oxana Ware, a criar instalações artísticas em pequena escala, colocando os insetos em cenários novos e inesperados.

Oxana coleciona as cigarras que aparecem no seu quintal e coloca-as em cenários proporcionais ao tamanho dos animais. Previsivelmente, os insetos estão longe de cooperar e geralmente é preciso paciência e algum tempo antes de conseguir captar um inseto a simular que está a levantar pesos.

O que começou como uma forma alegre de homenagear as cigarras, acabou também por ajudar as crianças a não terem medo delas, explica à Reuters.

“Vejo sempre o melhor nas pessoas. Vejo o melhor nas cigarras”, referiu a mulher, acrescentando: “Tento mostrar às pessoas o que há de melhor em qualquer situação e gosto que fiquem menos stressadas e se divirtam mais”.

Nas imagens mais recentes, a fotógrafa decidiu mostrar as suas novas amigas em versão de desportistas olímpicos, numa banda rock e numa ida ao supermercado.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *