CIM Alto Minho participa em seminário de cooperação europeia para melhoria da qualidade da água dos rios

A Comunidade Intermunicipal do Alto Minho (CIM Alto Minho) participa durante dois dias no seminário técnico do projeto “BIGDATA 4RIVERS – Melhorar a qualidade da água dos rios europeus através de políticas inteligentes de gestão da água”, que decorre em formato online, contando com a participação de diferentes entidades dos países parceiros com responsabilidades em diferentes temáticas.

O objetivo é debater formas de melhorar a qualidade da água dos rios europeus através de políticas inteligentes de gestão da água. O presidente da CIM Alto Minho, Manoel Batista, marca presença na sessão de abertura.

No primeiro dia, foram apresentados temas como os planos estratégicos para o próximo período de programação e os objetivos para os recursos hídricos; os métodos e tecnologias de análise envolvidos nos processos do projeto e a sua aplicação na gestão de recursos hídricos; boas práticas e melhores tecnologias disponíveis.

Hoje, será realizada uma visita de estudo virtual ao território de intervenção do parceiro espanhol da Associação Ibérica de Municípios Ribeirinhos do Rio Douro (AIMRD), sendo apresentadas boas práticas e destacadas algumas orientações e conclusões das atividades de harmonização entre parceiros e stakeholders do projeto.

Cofinanciado pelo Fundo Europeu de Desenvolvimento Regional (FEDER), no âmbito do programa de cooperação inter-regional Interreg Europa, o BIGDATA 4RIVERS é um projeto que visa gerar mecanismos de partilha de informação e conhecimento, de forma a permitir a incorporação dos melhores processos de planeamento e apoiar a tomada de decisão em relação à gestão regional/ local da água. O desenvolvimento deste projeto passa pela promoção de uma gestão inteligente da água, onde as Tecnologias da Informação e Comunicação (TIC) assumem um papel preponderante.

Para além da CIM Alto Minho, fazem parte deste projeto outras instituições europeias como o Conselho Administrativo do Condado de Östergötland (Suécia), o DREAM – Cluster de Competitividade em Água e Meio Ambiente (França), a Associação Ibérica de Municípios Ribeirinhos do Rio Douro (Espanha), a Universidade de Tecnologia Kaunas (Lituânia), a União Nacional de Empresários Romenos (Roménia) e o Fundo de Desenvolvimento Regional da Região de Atenas (Grécia).

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.