DestaqueVILA VERDE

Projeto ‘Escola + Verde’ distingue trabalho ambiental com as crianças no concelho de Vila Verde

Trinta e cinco estabelecimentos do primeiro ciclo e do pré-escolar do concelho de Vila Verde foram distinguidos pelo trabalho desenvolvido ao nível da sensibilização e educação na preservação e promoção do meio ambiente, no âmbito do projeto ‘Escola + Verde’.

Dando conta do regozijo pelos resultados obtidos e pelo envolvimento das escolas no projeto, a presidente da Câmara de Vila Verde, Júlia Rodrigues Fernandes, destaca o impacto das ações nas comunidades locais e na consolidação de uma sociedade ambientalmente cada vez mais comprometida com a qualidade ambiental e um futuro mais sustentável.

“Há um trabalho fantástico que tem vindo a ser desenvolvido ao longo dos últimos anos pelas nossas escolas e jardins de infância, com um impacto enorme para a sustentabilidade e valorização ambiental do concelho. Os resultados são cada vez mais evidentes e representam um potencial crescente e de grande relevo para o futuro”, refere Júlia Rodrigues Fernandes.

Salientando o papel que os mais novos podem desempenhar junto das suas famílias, a autarca deixa o desafio para que os alunos “sejam uma referência cívica e se assumam como verdadeiros ‘influencers’ na defesa do ambiente, levando para a vida diária as mensagens e os hábitos aprendidos na escola”.

Das “atitudes e experiências protetoras do ambiente” desenvolvidas nos diferentes estabelecimentos, o projeto ‘Escola + Verde’ distinguiu 11 escolas do primeiro e jardins de infância com o grau de “excelente”. O galardão foi atribuído a EB Freiriz, EB Monsenhor Elísio Araújo, EB N.º2 Vila Verde, EB Oleiros, EB Ribeira do Neiva, EB/JI Cervães, EB/JI Esqueiros, EB/JI Parada de Gatim, EB/JI Sande, JI Marrancos e JI Oleiros.

Num périplo que envolveu também os vereadores Manuel Lopes, Michele Alves e Patrício Araújo, a Bandeira ‘Escola + Verde’ foi também atribuída a 15 estabelecimentos, pelo sue desempenho ambiental: Colégio D. João de Aboim, EB Lage, EB Lanhas, EB Moure e Ribeira do Neiva, EB Nº1 Prado, EB Oriz S. Miguel, EB Soutelo, Infantário da Misericórdia, JI Atães, JI Carreiras Santiago, JI Gême, JI Loureira, JI Moure, JI Pedregais e JI Sabariz.

O trabalho ambiental desenvolvido foi ainda reconhecido nas escolas básicas de Aboim da Nóbrega, Atães, Barbudo, Cabanelas, Gême e Turiz, assim como nos jardins de infância de Arcozelo, Devesa (Duas Igrejas) e Lanhas.

Lançado pelo Município em 2010 e tutelado pela equipa municipal de educação, em colaboração com os Agrupamentos de Escolas, o projeto ‘Escola + Verde’ atribuiu o diploma de ‘Escola com maior Poupança de Água do Concelho’ ao jardim de infância de Cervães. Com a “Maior Poupança Energética” sobressaiu o JI de Oleiros, enquanto o JI de Marrancos recebeu o diploma com maior quantidade de tampinhas recolhidas.

No âmbito dos trabalhos ‘Escola + Verde’, cada estabelecimento ou docente teve total liberdade na planificação e realização das atividades promovidas ao longo do ano letivo, com vista a promover a sensibilização da comunidade escolar e a melhoria da qualidade ambiental dos espaços onde está inserida.

Os resíduos, a água, a energia, os transportes, o ruído, a alimentação saudável, os espaços exteriores e a biodiversidade foram os temas que serviram de base à implementação das atividades. A diversidade e originalidade destas atividades, desenvolvidas no âmbito do projeto, no decurso dos últimos anos, constituem o enorme êxito do projeto ‘Escola + Verde’.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *