Submarino ‘Tridente’ parte para missões da NATO e da União Europeia no Mediterrâneo

O Submarino “Tridente”, da Marinha Portuguesa, parte na próxima terça-feira, dia 15 de junho, para dois meses de missão, a fim de participar na Operação “Sea Guardian” da NATO e dar apoio à Operação IRINI da União Europeia.

A operação “Sea Guardian” visa promover a segurança marítima no mar Mediterrâneo, de forma a garantir a liberdade de navegação e o conhecimento situacional deste mar, onde o submarino português realizará a recolha de dados de inteligência, análise dos padrões de comportamento na área e o controlo do espaço marítimo, com foco nas atividades de tráfico de estupefacientes, armas e pessoas, vigilância do tráfego marítimo e poluição marinha.

A operação “IRINI” é uma operação militar da União Europeia no Mediterrâneo, que tem como missão principal assegurar o cumprimento do embargo ao armamento imposto pela ONU à Líbia, contribuindo desta forma para o processo de paz do país.

O “Tridente”, comandado pelo Capitão-tenente Ribeiro da Paz, navega com 33 militares a bordo (8 oficiais, 11 sargentos e 14 praças) e tem regresso previsto à Base Naval de Lisboa, a 13 de agosto deste ano.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *