Programa ‘Vida Ativa’ leva atividade física aos seniores de Valença

O “Vida Ativa” é um programa da Câmara Municipal de Valença que tem por objetivo geral promover e melhorar a qualidade de vida dos nossos idosos. Reduzir e diminuir a incapacidade causada pelo envelhecimento é uma medida essencial de saúde pública e a atividade física pode desempenhar um importante papel nesse sentido.

A população-alvo para este projeto são todos os habitantes residentes no concelho de Valença com mais de sessenta anos de idade (inclusive). As aulas serão realizadas em grupos constituídos no mínimo por 5 pessoas e até um máximo de 25 pessoas.

O programa “Vida Ativa” vai de encontro às necessidades da população-alvo, atingindo os principais objetivos a que se propôs não só do ponto de vista social, mas também do ponto de vista da saúde.

A implementação do programa “Vida Ativa” contribui para alcançar diversos objetivos considerados prioritários no eixo de intervenção com a população deste grupo etário. Além dos objetivos específicos consequentes dos benefícios da prática de atividade física, este programa permitirá a diminuição do isolamento/inatividade dos idosos através da interação social.

Para além destas vantagens, a atividade física é hoje entendida como uma tarefa prioritária no desenvolvimento de competências que permitam ao idoso realizar as suas tarefas básicas diárias independentemente do auxílio de terceiros. Assim, e dado que a qualidade de vida está intimamente associada a um bom desempenho motor, a prática regular, controlada e orientada, torna-se determinante neste grupo etário (>60 anos).

Aumentar a interação social; Diminuir o isolamento; Aumentar os níveis de independência e autonomia; Ocupar os tempos livres; Promover o bem-estar.

́
Prevenir doenças associadas a perdas cognitivas; Prevenção/Diminuição de estados depressivos; Aumentar o bem-estar psicológico; Aumentar a aptidão cardio-vascular; Aumentar os níveis de força e resistência; Manter/Atenuar a perda de flexibilidade, coordenação e equilíbrio.

̧̃
Os idosos interessados em participar no programa deverão efetuar as suas inscrições na sede da Junta de Freguesia da sua área de residência. Não há a necessidade de apresentação de atestado médico declarando a robustez física indispensável para a prática desportiva de atividade física. Neste caso, será adotado o preceituado na Lei 5/2007, de 16 Janeiro, art.º 40, n.º 2, segundo o qual constitui especial obrigação do praticante assegurar-se, previamente, de que não tem quaisquer contra-indicação para a prática de atividade física.

O programa tem início no próximo dia 3 de outubro e dura até 30 de junho 2023.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.